Porto de Memórias: Teatro de graça em 27 e 29.06.2014

Fonte: jornal O Dia. Válido em 27 e 29.06.2014.

OD2706M

Anúncios

Papa Francisco: Novos pensamentos (e novos caminhos) para a Igreja Católica

Fonte: jornal O Dia de 27.06.2014.

OD2706B

A lei da merenda diferenciada

Fonte: jornal O Dia de 24.06.2014.

OD2406B

RJ: Para se divertir durante a Copa 2014

Fonte: jornal O Dia de 20.06.2014. Clique na figura para abrir em tamanho maior.

OD2006C

Nova medicação contra o câncer de pulmão

Fonte: jornal O Dia de 20.06.2014.

OD2006B

Copa 2014: Rua do Lavradio (e o Rio de Janeiro inteiro) recebendo bem todos os povos

Fonte: jornal O Dia de 20.06.2014.

OD2006A

O poder do brócolis como agente desintoxicante

De acordo com o Globo Online, o suco de brócolis pode desintoxicar corpo de poluentes, pois o vegetal teria nutrientes capazes de eliminar produtos químicos cancerígenos pela urina:

Aquela mãe que insiste para que seu filho coma brócolis para ficar forte saudável pode ter ganhado mais um argumento a seu favor. Cientistas da Escola de Saúde Pública Johns Hopkins Bloomberg descobriram que o suco do vegetal pode desintoxicar pessoas que vivem em ambientes com altos níveis de poluição, como as grandes cidades.

O resultado é curioso, mas não deixa de ter uma base fundamentada. Já é bem conhecido na literatura médica que vegetais crucíferos, como o brócolis, têm compostos que previnem o câncer. Os brotos do brócolis, particularmente, são ricos em glucorafanina, que cria sulforafano quando mastigadas ou engolidas. É esse último componente o responsável por livrar o corpo de vários poluentes químicos.

Para chegar a esta conclusão, os pesquisadores analisaram o comportamento fisiológico de 300 chineses da comunidade rural de Jiangsu. Todos beberam água esterilizada, abacaxi, suco de limão. Após coletarem amostras de sangue e urina, o grupo ingeriu suco de brócolis em pó dissolvido e liofilizado. Depois de todo o processo, verificou-se que taxa de excreção de benzeno – substância cancerígena – aumentou 61%, e a taxa de excreção da acroleína irritante também subiu 23%.

Leia mais clicando aqui.

%d blogueiros gostam disto: