RJ: Salão da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil 2014

Fonte: jornal O Dia. Válido até 08.06.2014.

OD3005D

Anúncios

CCBB-RJ: Exposição Salvador Dali de 30.05 a 22.09.2014

Fonte: jornal Destak RJ de 29.05.2014. Válido até 22.09.2014.

MT2905E

Memória: Será possível apagar lembranças ruins ?

Fonte: jornal O Dia de 27.05.2014.

OD2705H

Niterói, RJ: Cantadores de História no Salão de Leitura de 02 a 07.06.2014

_niteroir

Maracás, BA: Uma Prosa Sobre Versos 2014

_prosa_

RJ: Circuito Feiras Orgânicas em 24.05.2014

Em 24.04.2014, será realizada a inauguração da Semana dos Alimentos Orgânicos na Feira Orgânica de Botafogo:

Trata-se de um evento fruto de valiosa articulação da organização Essência Vital com os parceiros Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Ministério Do Desenvolvimento Agrário, Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Secretaria de Desenvolvimento Econômico Solidário – SEDES, SindRio Hoteis Bares Restaurantes, As-pta Agroecologia, Sociedade Nacional Agricultura – SNA e Ecochefs Maniva.

Dentre as participações especiais no evento contaremos com uma barraca da professora Ana Branco, do Departamento de Artes e Design da PUC-RJ onde ministra a disciplina “A Convivência com o BioChip”.

O Biochip é um grupo aberto de estudo, pesquisa e desenho, que investiga as cores e a recuperação das informações presentes nos modelos vivos: hortaliças, sementes germinadas e frutos. A pesquisa Biochip encontra ressonância e analogia com a prática da Agricultura Ecológica em relação à Terra.

Com leveza e simplicidade a professora Ana Branco promove a união perfeita entre saber e sabor. Ana explica através de seu trabalho com o Biochip que nos desnaturalizamos ao matar nossas sementes. Segundo ela, nascemos com um PH alcalino, o que possibilita intenso desenvolvimento no primeiro ano de vida. Ao longo do tempo, nos acidificamos e perdemos a chance de nos desenvolver adequadamente. O cozimento dos alimentos acelera o processo de decomposição gerando mais acidez e propiciando o surgimento de doenças. A semente germinada, por sua vez, amplia em até “20 mil vezes” seu valor nutricional. Ela explica que para recuperar a vida de um solo ácido, é necessário alcalinizá-lo. Isso é feito com o plantio de sementes e hidratação para que haja biogênese e revitalização. A diversidade das sementes colabora com a alcalinização e amplia as possibilidades de trocas, fazendo igual no nosso corpo quando ingerimos alimentos vivos. “Comer é se sentir amado”, diz Ana, e a idéia é tornar o alimento nutritivo e saboroso, para que ative nossa memória afetiva.

feiras

RJ: Mercado de moda e decoração em Botafogo com entrada franca

Fonte: jornal O Dia. Válido em 25.05.2014.

OD2305W

%d blogueiros gostam disto: