Sucesso do leilão para energias renováveis

O site do Greenpeace fala da oferta de enerhia solar em outubro de 2014:

Energia solar quatro vezes mais barata do que o preço pago às termelétricas este ano. Esse foi o resultado do Leilão de Energia Reserva que promoveu de forma inédita a contratação de energia solar nacionalmente. No final, 31 empreendimentos totalizando 889,7 MW foram contratados.

“Este é um passo importantíssimo para o fortalecimento da solar no Brasil. O volume contratado foi excepcional”, disse Bárbara Rubim, da campanha de Clima e Energia do Greenpeace. Este foi o primeiro leilão de energia nacional que incluiu a fonte solar, após o leilão estadual realizado em Pernambuco ao final de 2013.

Por outro lado, o preço final da fonte solar merece atenção. Sobre preço teto inicial de R$262,00 por MWh – visto com otimismo pelos investidores – houve um deságio de 17,8%. O valor final de R$215,12/ MWh está abaixo do criticado preço do leilão de Pernambuco (que fechou em R$228/MWh).

“A garantia de mais leilões exclusivos no futuro é crucial para estabelecer uma indústria solar no país. É preciso que isso ocorra de forma periódica e com preços condizentes com a realidade do mercado”, completou Bárbara.

Foram contratados ainda 769 MW de energia eólica, totalizando 1.658 MW entre ambas as fontes. Em um momento no qual o país passa por uma série crise do setor elétrico, causada pelo mau planejamento e agravada pela falta de chuvas, o governo dá sinais de investimento em fontes que reduzam a dependência da matriz elétrica em hidrelétricas e térmicas, ambas com altíssimos impactos socioambientais.

Leia mais clicando aqui.

Anúncios
Esse post foi publicado em Meio Ambiente, Tecnologia e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s