Gisele Nascimento: Superando o autismo e ajudando crianças com necessidades especiais

 Gisele Nascimento

Gisele Nascimento

A professora autodidata Gisele Nascimento dá aulas em escola municipal de Niterói. Mesmo autista, Gisele falava seis idiomas aos 10 anos, e posteriormente desenvolveu um método de alfabetização. No Globo Online:

Aos 4 anos, Gisele Nascimento demonstrava interesse especial nos livros comprados em sebo, próximo ao cais do porto de Niterói, por seu pai, um simples estivador. Sem frequentar escola, foi nesta mesma época que a menina espantou a todos lendo os livros velhos, passatempo do pai durante as idas e vindas do trabalho. Com 5 anos, o universo linguístico do idioma nativo já não era suficiente para suprir os anseios da menina. Curiosa, ela partiu solitária na viagem do conhecimento da língua inglesa. E não parou mais. Autodidata, aos 10 anos, Gisele já dominava seis idiomas: inglês, alemão, francês, italiano, espanhol, além do português, claro.

Por conta do diagnóstico tardio de autismo, a dificuldade de interação com outras pessoas, o fato de não ter nenhum amigo e os comentários preconceituosos que ouvia fizeram com que ela permanecesse muda durante 12 meses, dos 7 aos 8 anos. Todavia, as dificuldades foram superadas. Hoje, aos 32, Gisele é formada em pedagogia, psicologia, sociologia, com especialização em segurança pública. Atualmente, sua principal paixão é dar aulas para crianças e adultos com necessidades especiais.

— Passei em dois concursos para dar aulas na rede municipal de ensino de Itaboraí, o último em 2011. Inicialmente, alfabetizei crianças das classes regulares durante dois anos. Omiti o fato de ser autista para evitar o preconceito — revela.

Leia mais clicando aqui.

Anúncios
Esse post foi publicado em Artes e Cultura, Saúde e Bem Estar, Superação e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para Gisele Nascimento: Superando o autismo e ajudando crianças com necessidades especiais

  1. gevandra disse:

    Sensacional o fato de Gisele Nascimento dominar 6 idiomas aos 10 anos de idade. E incrível a superação dela em ser professora, apesar de autista. Eu desconfio que sou ligeiramente autista, e até os 20 anos de idade, eu fui muito tímida. Mas sempre tive poucas e boas amigas! Eu também sou apaixonada por idiomas, e estudo turco online há 5 anos, além de inglês quase fluente. Sempre me aconselharam a ser professora, mas penso que isso dá medo! Fico gelada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s